Sites Grátis no Comunidades.net

 BRASIL EM ARTE


ONLINE
1







Total de visitas: 15471
Educação Ambiental (Environmental Education)

Dez passos para se plantar uma muda:

1- O local deve ter boa iluminação e espaço suficiente para o crescimento das raízes;

2- Escolha uma muda com aspecto saudável e folhas viçosas. O tamanho deve ser superior a 50 cm.

3- A cova deve ser duas vezes maior que a embalagem que contem a muda;

4- Preencher o fundo da cova com terra fofa (bem solta ou peneirada);

5- Retirar a muda da embalagem e colocar no centro da cova. O torrão deve estar um pouco abaixo do nível do solo (5 cm ou 3 dedos) para que se forme uma "bacia" onde a água possa ficar acumulada.

6- Se o solo for muito pobre, adicione terra vegetal ou esterco.

7- Colocar terra em volta do torrão da muda, tomando cuidado para que não fique espaços vazios, sem "socar" muito.

8- Providenciar uma estaca maior que 1 metro como tutor, fixando-a ao lado do torrão da muda para não danificar as raízes.

9- Você pode fixar a muda no tutor de várias maneiras. Uma delas assemelha a um "8" deitado. Passe o amarrilho (a corda ou fio para amarrar o tronco da muda ao tutor) pela muda, torça e dê um nó cego.

10- Por fim, regue generosamente a sua muda e mantenha-a protegida das formigas.

 

Ten steps to plant a seedling:

1 - The site should have good lighting and enough space for root growth;

2 - Choose a seedling leaves looking healthy and lush. The size should not exceed 50 cm.

3 - The hole should be twice the size of the package containing the changes;

4 - Fill the bottom of the hole with soft earth (well screened or released);

5 - Remove the sapling from its packaging and place in the center of the pit. The root ball should be slightly below ground level (5 cm or 3 fingers) for forming a "bowl" where water can be accumulated.

6 - If the soil is very poor, add topsoil or manure.

7 - Place soil around the root ball of the seedling, taking care not to crush the empty spaces, without "hitting" a lot.

8 - Provide a stake greater than 1 meter as a tutor and set it beside the root ball of the seedling to avoid damaging the roots.

9 - You can set the changes in the tutor in several ways. One resembles an "8" lying. Pass the tying (the rope or wire to tie the stem of the seedling guardian) for changes, and give a twist knot.

10 - Finally, drizzle generously your changes and keep it protected from ants.

 

 

 

 

 

e-lixo e seus perigos

Estudo da ONU mostra Brasil no topo do ranking de produção per capita de lixo eletrônico vindo de computadores

AMANDA DEMETRIO
DA REPORTAGEM LOCAL


BRUNO ROMANI
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA
O Brasil tem a maior produção per capita de lixo eletrônico vindo de computadores entre 11 países emergentes e em desenvolvimento selecionados para um estudo conduzido pelo Pnuma (Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente). A pesquisa da agência da ONU foi divulgada no final de fevereiro pela organização.
Com o número de 0,5 quilo de e-lixo per capita por ano, o país está em piores condições que o Quênia, Uganda, o Senegal, o Peru, a Índia, a China, a África do Sul, o Marrocos, a Colômbia e o México.
Além do índice, a ONU criticou a legislação brasileira: "Informações sobre e-lixo no Brasil são escassas; em termos de políticas e legislação, a falta de uma lei abrangente de gestão de resíduos pode ser vista como o maior obstáculo para uma regulação específica do lixo eletrônico no Brasil."

Quantidades
Os valores foram calculados pelo Pnuma com base em avaliações sobre lixo eletrônico de cada país, mas alguns dados foram estimados. Foi avaliado o mercado de PCs (incluindo computadores de mesa com seus monitores e notebooks), impressoras, celulares, televisões e refrigeradores.
Dados de 2005 citados pelo estudo da ONU mostram que o país gera 96,8 mil toneladas por ano de lixo oriundo de PCs, 17,2 mil toneladas por ano de restos de impressoras, 2.200 toneladas por ano de descartes de celulares, 137 mil toneladas por ano de lixo vindo de TVs e 115,1 mil toneladas por ano de restos de refrigeradores.

Contaminação
Os resíduos de lixo eletrônico, quando não descartados corretamente, acabam por contaminar solo e lençóis freáticos, já que aparelhos eletrônicos trazem mais de 60 tipos diferentes de substâncias. Entre elas, muitas são tóxicas.
No Brasil, a questão se agrava por não haver regulamentação específica para o assunto. Para minorar o problema, diversas organizações recebem doações de computadores e algumas empresas providenciam o descarte ou reciclagem de produtos usados.
Mas a logística reversa (o fabricante ou comerciante receberem de volta o que venderam) ainda não é prevista em lei -a não ser nos casos das pilhas. Com a aprovação da Política Nacional de Resíduos Sólidos -projeto em andamento no Congresso-, a logística reversa deverá se tornar obrigatória.
Nesta edição, saiba como descartar corretamente seus eletrônicos e conheça as doenças que podem ser causadas pelo descaso com o e-lixo.

 

 

 

 

e-waste and its dangers

UN study shows Brazil at the top of the ranking of per capita production of junk mail coming from computers

AMANDA DEMETRIO
REPORT OF LOCAL

BRUNO ROMANI
COLLABORATION FOR LEAF
Brazil has the highest per capita production of junk mail coming from computers to 11 developing and emerging countries selected for a study conducted by UNEP (United Nations Environment). The UN agency's research was published in late February by the organization.
With the number of 0.5 pounds of e-waste per capita per year, the country is worse off than Kenya, Uganda, Senegal, Peru, India, China, South Africa, Morocco, Colombia and Mexico.
Apart from the index, the UN has criticized the Brazilian legislation: "Information about e-waste in Brazil are scarce, in terms of policy and legislation, the lack of a comprehensive law for waste management can be seen as the biggest obstacle to a specific regulation e-waste in Brazil. "

Amounts
The values ​​were calculated by UNEP based on assessments of each country's junk, but some data were estimated. We evaluated the PC market (including desktop computers with their monitors and laptops), printers, phones, televisions and refrigerators.
2005 data cited by the UN study shows that the country produces 96,800 tons of garbage coming from PCs, 17.2 thousand tons of scrap printers, 2,200 tons of discards of cell phones, 137 thousand tons per year of waste from TVs and 115,100 tons of waste refrigerators.

Contamination
Waste of e-waste, when not disposed of properly, end up contaminating soil and groundwater, as electronic devices bring more than 60 different types of substances. Among them, many are toxic.
In Brazil, the issue becomes more serious because there are no specific regulations for the subject. To alleviate the problem, several organizations receive donations of computers and some companies provide the disposal or recycling of used products.
But the reverse logistics (the manufacturer or dealer receive back what they sold) is not provided for by law, except in cases of piles. With the approval of the National Solid Waste-design-in process in Congress, reverse logistics should become mandatory.
In this edition, learn how to properly dispose of their electronics and learn about the diseases that can be caused by neglect of e-waste.

 "Há uns tempos atrás amávamos as pessoas e usávamos as coisas; hoje amamos as coisas e usamos as pessoas." Carlos Drummond de Andrade

("Some time ago we loved the people and things we used, today we love things and use people." Carlos Drummond de Andrade)

 

 

 

 

 

Criar um Site Grátis   |